quarta-feira, 6 de abril de 2011

Não é preciso entender para acreditar.

Não é preciso entender para acreditar.

De alguma forma – que eu não sei qual é – tudo o que acontece tem um propósito, um significado.
No decorrer dos meus estudos espiritualistas, me peguei muitas vezes com a seguinte indagação: Se eu que crio a minha realidade, eu posso estar criando momentos errados. Pensar então “que nada é em vão” não faz sentido. Ou não.
Optei pelo “ou não” mesmo sem entender exatamente o porquê. Optei porque é o que eu sinto, e eu acredito mais no que sinto do que no que vejo.
Deus, na sua grandiosidade – ainda incompreensível por mim – de alguma forma faz com que tudo que nos acontece se sincronize com um objetivo maior. Por essa razão que devemos relaxar e nos preocupar menos em fazer tudo o que achamos que devemos fazer.
Talvez, o maior passo que possamos dar é o passo da confiança em Deus. Fechar os olhos e entregar a ele o nosso destino, viver o nosso momento e acreditar que – seja lá qual ele for – nosso propósito aqui na Terra está sendo cumprido.

Boas vibrações para todos!

Carolina Flores Quintanilha

2 comentários:

  1. Oi, Carolina! Vi uma msg sua na Comu Gasparetto Conversando com VC; seu blog é mto bacana! Tb estudo Metafísica e Espiritualidade;
    beijos! Ana.
    www.caminhardoespirito.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Olá Ana,
    primeiramente obrigada pelo comentário e pela visita.
    Gasparetto é sem comentário, né? rs.
    Visitarei seu blog e deixarei um comentário por lá também!
    Beijos

    ResponderExcluir

Arquivo do blog