sexta-feira, 26 de setembro de 2014

Decepções


                 Em algum momento da sua vida, alguém poderá lhe decepcionar. E o seu sofrimento será proporcional ao grau de expectativas que você tiver sobre essa pessoa. E quando você passar por situações parecidas por mais de uma vez, talvez três, cinco, dez...Você poderá começar a sentir medo de confiar nas pessoas e talvez adote ao conselho que ouviu em um dia remoto: Não crie expectativas sobre ninguém.

               Aos poucos, você poderá não acreditar mais em pessoa alguma, e poderá começar a ter atitudes egoístas e vingativas pensando essa ser a única maneira de não ferir-se. Passado mais algum tempo, você poderá se tornar alguém solitário, rancoroso, crítico ao extremo.

               E quando você chegar ao fundo do poço da descrença nos seres humanos, você vai perceber que sente falta deles mesmo com suas imperfeições. Que apesar de muitas pessoas terem lhe machucado, que você também um dia machucou alguém.

               E vai perceber que o problema não é acreditar nas qualidades de alguém e sim esperar que esse alguém faça algo que não está pronto para fazer ou que não quer fazer.

               Você vai perceber que muitas das pessoas que lhe machucaram não cometeram tal ato propositalmente. E vai perceber que inserir alguém novo em sua vida é sempre um risco, mas que vale a pena correr.

               Aos poucos, você não deixará de sofrer se alguém lhe decepcionar, mas você vai aprender a aceitar aquela pessoa como ela é e escolher se a quer em sua vida ou não. E aí então você vai dar valor para aquelas pessoas que permanecem. Você vai ver que essas são as mais importantes e que por elas vale a pena muita coisa.

               E sobre aquelas que vieram apenas por uma estação, você sentirá um carinho imenso,  mas vai entender que cada um segue o seu caminho.

               Por isso, seja o melhor que você puder ser com quem você ama, com aqueles que permanecem, mas não espere nada em troca. Um dos piores erros do ser humano é esperar que alguém seja como ele deseja, e pior ainda do que isso, é fazer com que sua felicidade dependa das atitudes de alguém.

               Faça o seu melhor para todos, mas se baste, não necessite de ninguém, e nem se auto mutile por ninguém, pois somos como os pássaros que voam livres e como as borboletas que passam por diversas mutações.

               E se alguém se decepcionar com você, observe se você errou, ou se a pessoa que esperou demais de você. Perceba: O inverso também acontece. Pessoas também criam expectativas sobre você e quando você não age da forma que elas esperam, elas também se decepcionam.

               Mas quem verdadeiramente lhe amar, não irá embora, permanecerá e te aceitará; e repito: Por essas pessoas vale a pena muita coisa.


Carolina Flores Quintanilha


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Arquivo do blog